quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Do que sobra faltando...

De toda falta que há...
Não há de se falar em manobra
Afinal, da distância que os povoa
É a cumplicidade de sentimentos
Que fala, cala, dá e sobra...
Pensamento viaja... Voa...
mas não à toa!!!

(Essa é a sobra...)

3 comentários:

  1. Olá Ge...
    Lindo demais, amei o vídeo e o poema, maravilhoso!!
    Bjs no coração

    ResponderExcluir
  2. Pensamento em sobra, será?
    Musica especial, adooro!

    beijo!

    ResponderExcluir